O que aprender com o Mundo Disney e o Estúdio de Animação Pixar

post-pixar-disney

Finalizei, nesta semana a leitura do livro “Nos bastidores da Pixar: lições do playground corporativo mais criativo do mundo” de Bill Capodagli e Lynn Jackson, da Ed. Saraiva. O livro relata como estas divertidas organizações, Walt Disney e Pixar, oferecem um ambiente de trabalho que incentiva a imaginação, a criatividade, a invenção e a colaboração prazerosa.

Peça a qualquer criança que você conheça para lhe falar a respeito de Buzz Lightyear, Nemo ou Relâmpago MacQueen, e você ouvirá boas histórias criadas pelo Estúdio de Animação Pixar. O estúdio é responsável pelos maiores sucessos em animação, como: Os Carros, Monstros S.A., Procurando Nemo, Ratatouille, Os Incríveis, Toy Story, Up e Wall-E. A Pixar tem 30 anos de história com Animação, e em 2006 foi comprada pela Walt Disney. O sucesso das duas empresas alimentam o setor de animação e resultam num playground corporativo, ou seja, ambiente de trabalho disposto a oferecer o que todos os profissionais precisam: conforto, animação, descontração e acima de tudo… TRABALHO EM GRUPO!

O Sucesso da Pixar e Disney baseia-se na liderança do gerente-executivo de criação John Lasseter. John afirma que “as pessoas que trabalham com animação tendem a ser crianças. Nós não temos de crescer. Mas, além disso, os animadores são grandes observadores e há curiosidade e interesse infantil pelo mundo: a observação das pequenas coisas que acontecem na vida”.

Na vida como profissional de Educação Física é preciso tomar algumas ações de liderança, pensando no bem estar profissional de toda a sua organização. Liderar é extrair dos seus funcionários o algo a mais…

EI, VAMOS MONTAR UM ESPETÁCULO!?

Na Pixar e Disney existem algumas orientações para os seus grandes pensadores, e que vale também aos profissionais de Educação Física:

  1. Pense sempre como gestor e/ou diretor;
  2. Evite a superexposição inicial da sua carreira e/ou produto; e
  3. Jamais repita a fórmula de sucesso várias vezes.

Walt Disney se recusou a fazer sequencias de filmes, pois não queria desperdiçar dinheiro nem talento criativo com ideias antigas. Ele queria usar seus recursos para criar e não apenas para copiar uma produção bem-sucedida no passado.

Por isso não fique apenas copiando o seu velho e chato produto e/ou serviço: você precisa destruir, demolir, erradicar, detonar, vaporizar e liquidar com ele! Assim, você pode aplicar a primeira lição dos Estúdios Pixar e Disney: PENSE SEMPRE COMO GESTOR E/OU DIRETOR. Dirija sua equipe como se fosse o diretor de uma peça da Broadway. Sente-se na cadeira de diretor, e visualize as principais etapas da produção e da direção da peça: a história, o cenário, os papéis e os processos dos bastidores. Transfira essa organização para sua vida como profissional de educação física. Como Disney falava “Iniciei o meu sonho Disney sentado na varanda de minha casa”!

 

ETAPA 01 – Redefina a sua História

A Walt Disney World não é apenas um parque temático ou um resort. É uma experiência que nos permite deixar para trás o mundo real para nos tornarnos Peter Pan ou Cinderela. É uma fantasia tridimensional na frente dos nossos olhos. Lá existe emoção, e tudo isso é elaborado com a participação do público.

Não importa o que você está criando para sua carreira profissional, é preciso que a sua visão, a sua história e o seu sonho ganhem vida de maneira divertida e emocionante. A história do seu produto não tem de ser atraente só para sua equipe, é preciso que faça conexão emocional com o seu cliente.

 

ETAPA 02 – Monte o Cenário

Nos Estúdios Pixar e Disney, o cenário é muito importante para as Animações. Cada detalhe precisa ser imaginado, desenhado, modelado, colorido, colocado no lugar e iluminado… Demoram 4 anos para fazer um desses filmes e não pode haver desculpas depois de pronto.

Como deve ser o seu cenário? Se você tiver criando um novo programa, como fazer? Como elaborar o cenário para minha carreira profissional? Seja cauteloso e permita-se à sua imaginação… Se os filmes Toy Story, Os Carros e Os Incríveis levaram 4 anos para serem lançados, você também pode modelar sua carreira profissional com calma e visão de mercado.

 

ETAPA 03 – Como recrutar o elenco

Porque será que no mundo corporativo existe a tendência de procurar os candidatos de melhor pedigree, e não os que são mais interessantes ou diferenciados, ou os que possuem ideias que podem ser consideradas excêntricas? Bem, John Lasseter do Estudio de Animação Pixar entende que o produto pode ser elaborado por “chatos” doutores catedráticos, mas que é bom “apimentar” a equipe com um marqueteiro maluco.

Seja você, profissional de Educação Física, um maluco lunático ou um senhor conservador. O mais importante, esteja pronto para fazer parte do elenco, e para ser o protagonista, é necessário ser o melhor na sua área!

 

ETAPA 04 – Planeje os seus bastidores

Imagine a noite de estreia de sua peça na Broadway. Você tem uma história comovente, envolvente e emocionante. Você tem um cenógrafo premiado e reuniu um elenco com alguns dos melhores atores do mercado. Você ensaiou, ensaiou e ensaiou. O espetáculo receberá críticas ou não? E os bastidores… e a sua equipe de profissionais que atuam nos bastidores? O iluminador? O músico? Conseguir que a equipe que atua nos “bastidores” e a equipe que atua “em cena” funcionem bem juntas pode ser tão importante para o sucesso do negócio como liberar as energias criativas dentro de cada departamento.

Ou seja, reúna a sua equipe de bastidores e de cena, destrua o antigo castelo de areia e construa um novo, em que os momentos mágicos de “sonhos que se realizam” para o cliente podem acontecer todo dia.

Bem caros leitores, aí está uma pitada do que podemos aprender com os Estúdios de Animação Pixar – Walt Disney para a nossa vida profissional! Até a próxima!

Tiago Aquino da Costa e Silva (Paçoca)

Graduado Em Educação Física – FMU. Especialista em Administração e Marketing, em Educação Física Escolar; e em Recreação e Lazer. Membro do LEL - Laboratório de Estudos do Lazer – UNESP/ Rio Claro e da WLO – World Leisure Organization. Diretor Executivo da S&P Produções em Entretenimento. Consultor e Educador Empresarial com 12 prêmios nacionais e internacionais. Palestrante Internacional e Autor de Livros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *